Modo Noturno:

Yellowstone: O Atraso da 4ª Temporada e Outros Mistérios

As três primeiras temporadas de Yellowstone (resenha aqui) sempre estrearam nos EUA por volta do Dia dos Pais, que é comemorado lá no terceiro domingo de junho. Porém, em 2021, além da quarta temporada não ter estreado na semana prevista, o canal Paramount Network também não anunciou uma data de estreia. Os fãs estavam ansiosos desde maio, que normalmente é quando um trailer da nova temporada é lançado. O silêncio da emissora só foi interrompido no dia 3 de julho, quando um teaser trailer composto quase inteiramente de cenas das temporadas anteriores serviu para anunciar que a nova temporada só deve estrear no outono americano (atualização no final do texto).

Ainda assim, apesar do outono no hemisfério norte começar no dia 22 de setembro, o site Deadline noticiou que a estreia só deve ocorrer no início de novembro, o que pode representar uma grande mudança na estratégia de lançamento da série. Até essas novidades aparecerem, os fãs e a imprensa já haviam pensado em várias teorias para justificar o atraso.

Uma delas dizia que a ViacomCBS, corporação dona do Paramount Network, não queria que a série competisse com a audiência dos Jogos Olímpicos de Tóquio, que serão exibidos nos EUA por outro canal do grupo. Outra teoria diz que poderia estar ocorrendo uma disputa entre plataformas de streaming: as três primeiras temporadas estrearam no Paramount Network, mas posteriormente foram disponibilizadas na plataforma de streaming Peacock, que é controlada por uma concorrente da ViacomCBS, a NBC Universal. Agora, a ViacomCBS possui a sua própria plataforma de streaming, a Paramount+, e não estaria disposta a ceder a série para a concorrência.

Outra possibilidade levantada é de que a produção da série ainda não está concluída. Oficialmente, as filmagens da nova temporada terminaram em novembro de 2020, mas no início de junho de 2021 uma chamada de elenco deu indícios contrários. Nela, a produção de Yellowstone estava em busca de figurantes para filmar uma cena de protesto em uma cidade de Montana, estado onde a série é ambientada e onde passou a ser filmada (apesar da série sempre ter sido ambientada em Montana, as três primeiras temporadas foram filmadas em Utah). As novas filmagens ocorreriam ao longo de alguns dias e não ficou claro se o elenco principal participaria delas.

Todo esse mistério pode ser frustrante para os espectadores, mas é mais provável que o destino da série já está bem desenhado nos bastidores. Esse drama nem se compara, por exemplo, com o da série Condor (resenha aqui), cuja segunda temporada já estava filmada quando o canal responsável por ela, o Audience Network, deixou de existir. Isso a deixou em uma espécie de limbo, levando a uma situação inusitada: a segunda temporada, que deveria ter estreado em 2019 nos EUA, teve sua estreia mundial em canais pagos e serviços de streaming da Europa em junho de 2020; no Brasil, a segunda temporada estreou no canal Fox Premium (que hoje se chama STAR Premium) em novembro de 2020; enquanto nos EUA, seu país de origem, a segunda temporada só deve estrear no segundo semestre de 2021, no canal Epix.

Voltando a Yellowstone, se a nova estratégia de lançamento for confirmada, ela pode estar relacionada com as novas séries derivadas (ou spin-offs) confirmadas pelo canal, prometidas para começar a estrear ainda em 2021. Em Y: 1883, será contada a história de como a família Dutton chegou a Montana e como o rancho da família surgiu. Já em 6666, o criador Taylor Sheridan pretende contar parte da história do estilo de vida rural nos EUA. O título é derivado do nome do Rancho 6666, onde a série será filmada e que foi comprado por Sheridan em 2021.

Há também as séries Land Man e Mayor of Kingstown. Land Man será ambientada no oeste do Texas e contará uma história sobre os diversos envolvidos na indústria do petróleo na região. Já Mayor of Kingstown, que será estrelada por Jeremy Renner, abordará temas como racismo estrutural, corrupção e desigualdade social em uma decadente cidade americana cuja economia é inteiramente dependente do sistema carcerário. Espera-se que pelo menos parte dessas novas séries estrearão diretamente na plataforma de streaming Paramount+ nos EUA, tornando o catálogo do serviço mais atraente para os consumidores.

Enquanto isso, no Brasil, Yellowstone segue com um estranho calendário de lançamento. A primeira temporada estreou com um ano de atraso no país, no canal pago Paramount Network Brasil, e segue atrasada desde então. A terceira temporada, que estreou em junho de 2020 nos EUA, só está estreando em 6 de julho de 2021 no Brasil. Mas há uma “pegadinha” aí: a terceira temporada já havia estreado no país meses antes, sem muita divulgação, na versão brasileira do Paramount+. Não fica claro se há alguma estratégia nisso ou se os responsáveis pela distribuição no Brasil estão apenas tentando correr atrás do prejuízo.

Atualização: a Paramount anunciou que a quarta temporada de Yellowstone estreará nos EUA no dia 7 de Novembro. Mayor of Kingstown estreará dia 14 de Novembro e 1883 em 19 de Dezembro. Os episódios de estreia dessas séries serão exibidos logo após o episódio da semana de Yellowstone nas respectivas datas, mas os episódios seguintes estarão apenas no Paramount+. Resta saber se as mesmas datas valem para o Brasil.

Trailer de Mayor of Kingstown

 

Siga ou compartilhe: