Modo Noturno:

8 Vídeos Que Mostram o Tamanho do Universo Conhecido

Para assistir todos esses vídeos sobre o tamanho do universo na sequência, acesse essa playlist.

1. Camadas da Terra

Antes de mergulhar nos mistérios do Universo, é importante nos lembrarmos do tamanho da Terra. Dos 6.731 Km até seu núcleo, apenas 70 Km (nos pontos mais largos) correspondem à Crosta Terrestre, camada rochosa sobre a qual moramos. É essa fina camada que também possui todos os oceanos e os pontos mais alto (Monte Everest, com 8,8 Km de altura) e mais profundo (Fossas Marianas, com 11 Km de profundidade) do planeta. O buraco mais profundo já cavado na Terra é o Poço Superprofundo de Kola, com 12.262 m de profundidade.

2. Sistema Solar em Escala

Já o Sistema Solar é muito maior e muito mais vazio do que imaginamos. As absurdas distâncias entre os astros que o formam tornam impossível fazer uma representação em escala no papel, ou mesmo em um quadro. Com uma Terra do tamanho de uma bola de gude, os realizadores do vídeo abaixo precisaram de um deserto para representar as distâncias entre os planetas que giram ao redor do Sol.

3. Nuvem de Oort

Mas o Sistema Solar não termina logo depois da órbita de Plutão. Nos limites da atuação da força gravitacional do Sol está uma grande “camada” de pequenos corpos celestes separados por grandes distâncias entre si: a Nuvem de Oort.

4. Movimento do Sistema Solar

E o Sol não está parado no espaço. O “astro rei” gira ao redor do centro da Via Láctea, levando aproximadamente 200 milhões de anos para realizar uma volta completa. Esse movimento faz com que a trajetória dos astros que giram ao redor do Sol seja bem diferente do que normalmente imaginamos ou representamos graficamente. Veja no vídeo abaixo.

5. Explorando o centro da nossa galáxia

No centro da Via Láctea, há um buraco negro tão massivo que consegue manter centenas de bilhões de estrelas em sua órbita. O autor do vídeo abaixo usa o software de simulação Space Engine para cruzar a galáxia e chegar até ele.

6. Escala do Universo

E finalmente começamos a sair da gigantesca Via Láctea e a explorar as ainda mais gigantescas estruturas que formam o Universo Observável.

7. A Comparação do Tamanho do Universo

O tamanho do Universo fica ainda mais claro com esse vídeo animado.

8. Pálido Ponto Azul

No vídeo abaixo, o dublador brasileiro Guilherme Briggs reproduz o clássico monólogo do astrônomo Carl Sagan sobre o Pálido Ponto Azul, colocando nossa História e nossa existência no contexto dos gigantescos corpos celestes lá fora.